quinta-feira, 4 de maio de 2017


Eu senti que era amor quando depois do "boa noite"havia uma vontade incontrolável de dizer "EU TE AMO"
Quando fui extremamente feliz.
Tua voz soa para mim como o canto de um pássaro silvestre e raro ,quando corteja a fêmea...na intenção de procriar com ela..
A tua presença representa o nascer do sol quando ele aparece e dá brilho ao mundo com a intensa magnitude e beleza que seus raios luminosos proporcionam.
Tua companhia, me representa ser a flor desabrochada; exalando o teu perfume e atraindo e permitindo que a abelha venha fecundá-la com o pólen que ela tráz preso em suas patinhas.
Ao seu lado eu me sinto, no balanço de uma rede aconchegante e preguiçosa,presa entre dois coqueiros,à beira-mar, que dança gostosa numa tarde grande, com a brisa marina soprando em meu rosto;sem relógio, sem agenda; tomando um suco de maracujá desses de fruta mesmo,bem docinho e gelado; de canudinho...
Você tem o gosto de banho de mar numa água quente; azulzinha, limpa e cristalina..
Ao seu lado, eu sinto como estivesse comendo pipoca .....
De passeio no jardim de mãos dadas.....de sentar no banco do coreto da pracinha e alimentar os pombos com grãos de milho....
Melando os dedos de algodão doce, da cor mais linda que tem pra escolher...
Você tem o gosto de sorvetes escolhidos de vários sabôres ...assistindo à um filme escolhido à dedo por nós dois..
Você tem gosto de manga comum apanhada no pé..lambuzando a boca , o queixo, deixando o caldinho escorrer pelas mãos; até chegar aos cotovelos, numa volúpia insaciável que querer chupar...chupar...
Você tem cheiro de leite materno; quando então eu bebê, me saciava no seio de minha mãe..
Ao seu lado, eu percebo que os anjos existem e que apenas alguns são invisíveis.
Ao seu lado, eu me sinto como se estivesse chegando em casa e trocando o sapato apertado pelo chinelo velho que mais gosto.
Com você, me sinto sonhando a maior tolice do mundo com o gozo de
quem não liga pra isso.
Ao seu lado, pode ser o mês que for, mais vai sempre parecer manhã de Natal do tempo em que eu acordava ansioso para procurar e encontrar o presente que o Papai Noel tinha me deixado.
Sempre haverá um ovinho do coelhinho da páscoa bem escondidinho me esperando..
Você tem em teus olhos,o brilho das estrelas acesas no céu e daquelas cadentes que quando as vemos ,fazemos um pedido impossível; e que neste momento ele seria o de estar ao teu lado.
Juntos então; eu acho que a felicidade não é impossível,
Ao seu lado eu sinto como se estivesse visitando um lugar feito de alegria, de pura magia, onde quando nos mexessemos; pipocariam estrelinhas multicoloridas no espaço...
Sinto-me recebendo um afeto sem fim, e oferecendo um bouquet de rosas vermelhas; a cor da paixão...
Abraçando o abraço mais gostoso que existe.
Tocando os teus olhos com os meus.
Passando a ponta de meus dedos, suavemente por tuas sombrancelhas..
Sentindo o perfume de teus cabelos..e acariciando-os ......
Posso sentir o calor de teu hálito, e o teu rosto sendo afagado pelas minhas mãos, onde eu saberia percorrer cada relêvo, cada contôrno, numa espécie de transe, onde o silêncio por si só; já diria tudo.....
Ahhhh...que vontade de roçar meus lábios levemente nos teus.....antecipando o gosto de um longo, doce,sedento, quente, molhado beijo que se aproxima...
Ao seu lado, saboreio o delicioso toque suave que sua presença sopra no meu coração....
Você tem cheiro de cafuné sem pressa....
Cheiro da terra molhada pelas primeiras chuvas.....
Do brinquedo que eu não largava....
De álbum de jogadores com figurinhas carimbadas ,faltando apenas uma para a acabar de preencher; e esta figurinha seria o nosso encontro..
Você tem o cheiro das manhãs quando eu criança; saia pedalando minha bicicleta sem destino definido ,com a certeza de chegar num local bonito, onde eu descansaria, reuniria forças novamente, e voltaria contente com sentimento de ter descoberto mais um lugar ,com a liberdade adquirida que a bicicleta podia me proporcionar..
Você tem o cheiro do acalanto, do ninar, da música suave e monótona emitida pela voz humana.. entrando pelos ouvidos, e me fazendo adormecer.
Ao seu lado, eu percebo que a sensualidade é um perfume que vem de dentro e que a atração que realmente nos move não passa só pelo corpo.
Corre em nossas veias.
Pulsa em todos os lugares.
Ao seu lado eu lembro que nos instantes em que falo mais devagar, me esqueço do resto do mundo, de meus anseios, meus problemas...
E eu sorrio grande que nem moleque travesso.
Com você é assim, uma eterna sensação de contentamento..
Com você é eterna a minha felicidade.
Então, dedico a você...
Toda minha paz e minha alegria, e também este sentimento que tem brotado dentro de mim que parece que já senti certa vez; mas esqueci como é....
Dedico tudo isso que sinto agora; que vem acompanhado junto de uma dorzinha gostosa que começa na boca do estômago; vai subindo...subindo...até chegar na garganta, onde faz uma espécie de nózinho, e então ali para..e que apesar de doer, nào quero que ela se vá.....quero que fique.....pois a sensação apesar de estranha; é muito boa de ser sentida...
Nestas horas; que muito me agradam,pelos pequenos(grandes) momentos que passamos juntos , aqui na net; apesar deles serem transmitidos através desta fria tela destes monitores que se encontram em nossa frente; mas que nos aproximam de uma forma tão intensa; que fazem o mundo ficar pequeno demais para tanta felicidade.
Eu dedico toda a minha alegria a você, que me faz acreditar que a felicidade não é algo ilusório; ela existe, e está bem perto de nós...
E que ela pode ser conquistada apenas com um simples chalezinho rústico de madeira, uma horta, um cachorro, e a nossa presença para habitá-lo...
Dedico todo o meu desejo à você, pois estou a aprender a te gostar..
E essa sensação, faz a vida ser mais vida...
Muito mais vivida....
Dedico tudo de mim a ti..
Beijo da tarde, minha querida....
(Autor desconhecido)
"Coragem, às vezes,é desapego. É parar de se esticar, em vão, para trazer a linha de volta. É pedir que voe sem que nos leve junto. É aceitar que a esperança há muito se desprendeu do sonho. É aceitar doer inteiro até florir de novo. É abençoar o amor,aquele lá, que a gente não alcança mais".
Ana Jácomo